Home / DESTAQUE / Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

DSC09317 1280x720 - Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

Fontes científicas, teorias e didáticas foram apresentadas pela pedagoga Tarciely Borges Galvão, aos mais de 190 educadores da Rede Municipal de Educação, em uma formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista (TEA), no Auditório da Faculdade de Guaraí.

“São estudos e pesquisas realizadas ao longo de 80 anos que garantem desenvolvimento e capacidade de aprendizagem para pessoas com autismo, deficiência intelectual e outros transtornos”, reforçou, a formadora e especialista em Psicopedagogia e Neuropsicopedagogia, Tarciely.

Voluntária na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e Associação de Pais, Amigos e Profissionais dos Autistas do Estado do Tocantins (Anjo Azul), a pedagoga Tarciely é mãe de uma criança autista. “Transformei as dificuldades em minhas forças”, contou, esclarecendo estratégias e revelando estudos. “Os resultados são animadores. Conforme a ciência vai evoluindo essas crianças tem uma área de inteligência extraordinária. É um trabalho de aceitação”, concluiu.

DSC09312 1280x1014 - Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

Pedagoga Tarciely Borges Galvão: “É um trabalho de aceitação”

Atualmente, a Rede Municipal de Guaraí conta com 15 alunos diagnosticados com autismo, porém existem alunos em fase de levantamento de hipóteses. No total são 60 com outras necessidades para atendimentos diferenciados.

O desenvolvimento na relação de professores, pais e alunos é um dos desafios para a evolução da aceitação pedagógica do autista. “Esta formação veio em boa hora, pois, o professor é cobrado pela sua responsabilidade de conduzir as crianças durante todo o percurso escolar”, aprovou, a professora Andreia de Paula Silva Lima, mãe do Davi de Paula Campos, 4 anos, diagnosticado com autismo.

As formações para os educadores da Rede Municipal é um dos investimentos que a Prefeitura de Guaraí promove para o crescimento e evolução da educação. Direcionada para todos os profissionais, diversos temas capacitam professores, coordenadores, cuidadores, auxiliares/monitores, agentes de transporte escolar e gestores, agentes de serviços gerais e merendeiras.

DSC09315 1280x720 - Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

Merendeiras e auxiliares de serviços gerais

Para as merendeiras e auxiliares de serviços gerais, a formação foi promovida pela coordenação de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal da Educação. “A Prefeitura de Guaraí tem investido em capacitações direcionadas, criteriosamente, para o desenvolvimento de cada uma das áreas educacionais”, disse, o secretário da pasta Sebastião Mendes.

DSC09329 1280x619 - Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

Coordenação de Alimentação Escolar da Secretaria Municipal da Educação promoveu formação para merendeiras e auxiliares de serviços gerais.

DSC09296 1 1280x720 - Educadores de Guaraí aprovam formação voltada para aceitação ao Transtorno Espectro Autista

Secretário Municipal da Educação, Sebastião Mendes, falou sobre os investimentos da Prefeitura de Guaraí e os avanços que trouxeram ao município.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

About ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO