Demorando demais" Fechar a tela de carregamento.
Prefeitura de Guaraí - Excelência para o cidadão!
Home / Custom Sliders / Prefeitura de Guaraí homenageia mães com apresentações culturais e artísticas

Prefeitura de Guaraí homenageia mães com apresentações culturais e artísticas

Marcada por muita emoção, com destaque para a conscientização da valorização do papel da mulher na sociedade e apresentações culturais e esportivas, a homenagem da Prefeitura às mães de Guaraí reuniu centenas de pessoas na noite dessa sexta-feira, dia 10, na Praça da Conciliação Euclides Rodrigues.

Famílias prestigiaram o evento, promovido pela gestão municipal através da Secretaria de Assistência Social, com apoio das pastas da Educação, Esportes e demais órgãos do governo municipal. Os guaraienses assistiram uma série de atividades de alunos da rede municipal e de integrantes de projetos culturais e esportivos desenvolvidos no município.

A cerimônia começou com as boas vindas às mães feita pela prefeita Lires Ferneda, que agradeceu a presença das mães, destacou as iniciativas do município voltadas à mulher nas áreas de assistência social e saúde, principalmente. “Mãe é um sentimento de amor e carinho pelo filho que nós geramos. Quando temos sentimento de amor, cuidamos, educamos e aconselhamos para que os nossos filhos sejam pessoas de bem. E as homenagens serão feitas pelos próprios filhos de vocês com tanto carinho. Queremos que sejam muito amadas e muito felizes pelo fato de serem mães”, disse a prefeita, em seu pronunciamento.

Ela destacou se sentir orgulhosa em poder propiciar o evento às mães e por desenvolver políticas públicas voltadas às mulheres no município em diversas áreas e projetos que atendem mães da cidade. O palco das autoridades foi formado e teve, além da presença de várias integrantes da gestão municipal, a vereadora Fátima Coelho, que representou a Câmara Municipal.

AS APRESENTAÇÕES

Os destaques do evento foram as apresentações. Quem abriu a festa foi a jovem Emily Coelho, com a canção “Trem Bala”, um trabalho coordenado pela oficina de música liderada por Paulo França. Em seguida, crianças da oficina de balé coordenada por Karlos Campos Sodré emocionaram o público com o tema “Fadas Bailarinas – Voe para o seu coração”.

Na sequência foi a vez da apresentação de karatê, do professor José Emídio, com a modalidade kata infantil. A jovem Karine Barbosa Bezerra interpretou a música “Heroína do Amor”. Outra apresentação que fez o público se emocionar ficou a cargo dos alunos da oficina de violão e teclado com a música “Exemplo de Mulher”, um trabalho dirigido pelo professor Dorivam de Jesus Barbosa. Próximo do palco, Wanderlan Dora reunia os jovens da oficina de tênis de mesa, que se apresentaram durante o evento.

Outro ponto alto da festa foi a performance dos alunos da oficina de instrumentos de sopro coordenada por Edson Alves, que apresentaram a música “Ré, Mí, Fá”. O grupo Kiron de karatê também abrilhantou a comemoração, que também teve a participação dos membros da oficina de artes que apresentaram a tela “Anunciação do Senhor Jesus”, atividade coordenada por Hieráclio Pereira dos Santos. Empresários locais que patrocinaram o evento possibilitaram a entrega de lembranças às mães ao final do evento.

PRESENTE DE DEUS

A secretaria de Assistência Social, Maria José Ferreira da Silva, em sua fala destacou uma mensagem “mãe presente de Deus”: “Para completar o homem, Deus a fez mulher. Mas para participar do milagre da vida, Deus fez a mãe. Para liderar uma casa, Deus fez a mulher. Mas para edificar um lar, Deus fez a mãe. Para estudar, trabalhar e competir, Deus fez a mulher. Mas para guiar a criança, Deus fez a mãe. Para os desafios da sociedade, Deus fez a mulher. Mas para o amor e carinho, Deus fez a mãe. Para fazer aquele trabalho, Deus fez a mulher. Mas para embalar o berço e construir um caráter, Deus fez a mãe. Para ser princesa, Deus fez a mulher. Mas para ser rainha, Deus fez a mãe. Você é o mais lindo presente de Deus para mim. Eu quero ser uma dádiva de Deus para você”.

AÇÕES DO SCFV

Os jovens que fizeram as apresentações são do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). A secretaria de Assistência Social, Maria José Ferreira da Silva, que organizou evento, destacou as ações do SCFV, que é um conjunto de serviços realizados em grupos, de acordo com o seu ciclo de vida, e que busca complementar o trabalho social com famílias e prevenir a ocorrência de situações de risco social. Além disso, o SCFV fortalece as relações familiares e comunitárias e promove a integração e a troca de experiências entre os participantes, valorizando o sentido de vida coletiva. É realizado por meio do Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (PAIF) e do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado às Famílias e Indivíduos (PAEFI).

São feitos atendimentos em grupo com crianças, adolescentes, adultos e idosos. As crianças até 6 anos têm o foco no desenvolvimento de atividades com crianças, familiares e comunidade, para fortalecer vínculos e prevenir ocorrência de situações de exclusão social e de risco, em especial a violência doméstica e o trabalho infantil, sendo um serviço complementar e diretamente articulado ao PAIF.

Já crianças e adolescentes de 6 a 15 anos se ocupam de atividades no espaço de convivência, formação para a participação e cidadania, desenvolvimento do protagonismo e da autonomia das crianças e adolescentes, a partir dos interesses, demandas e potencialidades dessa faixa etária.

 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO
Accessibility